Primeiro episódio da 5ª temporada de The Walking Dead é o mais sangrento da série.



 Esta noticia contem spoilers, se ainda não assistiu o primeiro episódio da 5ª temporada da série, não leia.

A série The Walking Dead retornou ao ar na noite deste domingo (12), nos Estados Unidos, com um dos episódios mais violentos das cinco temporadas da saga dos sobreviventes de um apocalipse zumbi. O episódio será exibido amanhã (14) à noite no Brasil, pela Fox.

Uma das primeiras cenas mostra o esquartejamento de quatro pessoas pelos capangas de Gareth (Andrew J. West), o novo inimigo de Rick Grimes (Andrew Lincoln) e líder do Terminus. O espaço, que antes era um santuário, agora serve de matadouro de humanos.

Em outra sequência, Rick Grimes, Daryl Dixon (Norman Reedus), Glenn Rhee (Steven Yeun) e Bob Stookey (Lawrence Gilliard Jr.) estão presos sob o olhar de Gareth. Ele os leva para fora do galpão, e Carol Peletier (Melissa McBride) se aproxima do local. Ao perceber que os quatro reféns estão distantes de um tanque de gás, Carol provoca uma explosão usando um fogo de artifício. O ataque distrai Gareth e permite que Rick, Daryl, Glenn e Bob escapem.

A explosão acontece no momento em que uma tropa de zumbis chega ao Terminus. Assim, dezenas de mortos-vivos voam pelo ar.

Rick e os heróis da série fogem do Terminus matando os zumbis que aparecem pelo caminho. Eles reencontram Carol, que os leva até o local se escondeu com Tyrese (Chad Coleman). Lá, o xerife reencontra Judith, sua bebê, na cena mais leve e comovente do episódio.

Via:
Compartilhe no Google+

Postagem de Matheus Rocha

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial