The Whispers: nova série de Spielberg, crianças matam os pais.

Ter um amigo imaginário é comum para quase toda criança. Os protagonistas de The Whispers, no entanto, têm um amigo invísivel que as conduz a matar os próprios pais, a cometer suicídio e a praticar atos terroristas. Reconhecido pela habilidade em lidar com crianças, desde os filmes Contatos Imediatos e ET, o cineasta Steven Spielberg assina a produção-executiva da nova série da rede ABC, que estreou ontem (11/08) no canal pago AXN, às 22h.

A atriz Kylie Rogers em The Whispers; personagem dela na série dá as ordens no jogo macabro.
Na produção, crianças são manipuladas por uma "entidade" misteriosa e superpoderosa, que as  envolve em um jogo macabro. Esse amigo imaginário tem interesses internacionais, que envolvem o presidente dos Estados Unidos e as políticas nuclear e armamentista da nação mais poderosa do planeta.

The Whispers aposta em elementos característicos de histórias de suspense: traz crianças com um olhar angelical, dóceis, verdadeiros anjinhos na aparência, mas com atitudes tenebrosas. Uma delas é Harper Well (Abby Ryder Fortson). Graciosa, a menina se comunica com o amigo imaginário comum a várias crianças, identificado como Drill, por meio da energia elétrica. Drill a faz acreditar que está disputando um jogo. Ela segue suas instruções e leva a própria mãe, Amanda (Autumn Weaver), a sofrer um grave acidente, que a deixa em coma.

A agente do FBI (polícia federal norte-americana) Claire Bennigan (Lily Rabe), especializada em investigar casos envolvendo crianças, entra na história para descobrir o que houve com Amanda. Ao conversar com Harper, a policial escuta pela primeira vez o nome de Drill e busca saber quem, ou o que, ele é.

Minx Lawrence (Kylie Rogers), filha de um dos colegas de Claire, também está envolvida com o mesmo amigo invisível e logo assimila as regras do jogo. Ela se torna uma espécie de líder das crianças manipuladas por Drill e é levada a trazer o filho mudo de Claire, Henry (Kyle Harrison), para a "brincadeira". Minx, com uma fala mansa e determinada, atrai o colega e diz que tudo vai dar certo no final.

O FBI não sabe classificar Drill: se é uma entidade espiritual, uma pessoa real ou apenas fruto da imaginação das crianças. Elas são bem leais ao amigo invisível e se transformam quando estão sob a influência dele. A investigação se torna pessoal para Claire e o colega de FBI Wes (Barry Sloane). Ambos precisam provar para o governo norte-americano que as crianças estão seriamente ameaçadas pelo tal de Drill. Eles lutam para ativar uma investigação e chegar ao fim desse caso.

FONTE
Compartilhe no Google+

Postagem de Unknown

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial